profile

A Influência de Platão no pensamento de Santo Agostinho

Educational
profile
Pensando em compreender como se transpassam, no decorrer da história humana, os elementos ideológicos estruturais que compõe os fundamentos filosóficos da cristandade em sua origem, demandou-se esta pesquisa abordando a influência da obra de Platão (400 a.C.) e quais suas influências mais notáveis sobre a obra do primeiro grande teórico da Cristandade: Santo Agostinho (350 d.C.). E, como não se há de negar a riqueza da capacidade de criação mitológica humana, pode que aqui não se toque apenas naquilo que se refere a um fato histórico isolado num passado por demais distante para ser entendido em seu todo, mas também nas mais profundas raízes de sustentação filosófica, tidas uma vida toda como sendo sui generis, mas que na verdade derivam de conceitos 700 anos mais antigos que a própria história de Santo Agostinho.
  1. Advantages
  2. Details

Em certa instância suas deliberações determinaram o modo de pensamento ocidental, que se moldou ao pensamento proposto – outras vezes imposto - pelo Cristianismo, enquanto os ideais gregos perderam-se na sua própria incapacidade de responder a todas as perguntas. Após florescer pelas mãos do imperador Constantino, pelo Concilio de Nicéia (325 d.C), o Cristianismo proliferou-se e proibiu cabalmente a lembrança do ideário Grego e de todo seu legado, que por tanto tempo permaneceu no esquecimento da humanidade. Até que a luz das velas de antigos mosteiros fez com que inquietos de espírito tocassem as folhas já envelhecidas destas obras novamente, buscando respostas para perguntas que nunca quiseram calar. Embalados então por semelhante sentimento de necessidade de resposta, estabelece-se neste estudo as relações existentes entre as formas de pensamento de dois dos maiores contribuintes dos pensamentos filosóficos Antigo e Medieval.

Advantages

7-day warranty

Safe payments

Frequently Asked Questions